O governo federal libera de verbas das obras da praça de Santos Reis



O governo federal libera de verbas das obras da praça de Santos Reis


Ministério do Turismo libera verbas para iniciar Praça de Santos Reis

O prefeito Gustavo Zanatta manda boas notícias de Brasília. O governo federal acaba de anunciar a liberação de verbas que vão permitir o início das obras da praça de Santos Reis. Ele está na capital federal junto com o gerente de Convênios e Contratos, Sílvio Kaél; e o secretário de Gestão e Planejamento, Rafael Cruz. Esta, inclusive, é uma das principais pautas de viagem.

O dinheiro para a construção da área de lazer no interior é fruto de uma emenda ao Orçamento da União patrocinada pelo deputado federal Osmar Terra (MDB). Foi o parlamentar que conseguiu agendar reunião no Ministério do Turismo, na manhã de hoje, para tratar do assunto. No encontro, o prefeito detalhou todo o processo, que já tem até empresa definida para executar as obras, após processo licitatório.
          
A liberação dos recursos foi anunciada pelo assessor de Assuntos Parlamentares, José Ivo Bezerra Junior. “Já está liberado o empenho para a SEGOV, que deve pagar nos próximos dias”, informou. A notícia animou o secretário Rafael Cruz, feliz pela possibilidade de iniciar os trabalhos em breve.          

O gerente de Contratos e Convênios lembra que, uma vez cadastrados, os projetos são apenas um número no sistema do governo federal, junto com milhares de outros processos de todo o país. “Estando presente em Brasília, é possível encontrar soluções de demandas que não seria possível resolver no âmbito local”, ressalta Kaél. “Quero agradecer ao deputado Terra, que têm sido um grande parceiro de Montenegro. Mesmo com uma agenda lotada, acompanhou a gente”, elogia.

O prefeito Gustavo Zanatta destaca que a parceria construída em Brasília é fundamental na solução de alguns problemas que envolvem obras, seja por meio de emendas de deputados ao Orçamento ou via ministérios. “Estamos muito felizes com os apoios que temos obtido. Toda a população montenegrina ganha com isso”, afirma.

A empresa que venceu a concorrência é a Larissa Taiane da Rocha e o orçamento soma R$ 300.941,48, dos quais R$ 62.085 são contrapartida do Município. Entre outros atrativos, o espaço terá “chimarródromo” e churrasqueiras com pia para os frequentadores. “É muito importante, para nós, atender a esta demanda. A comunidade espera por isso desde 2016. O nosso interior também precisa de áreas de lazer e convívio”, conclui o prefeito Gustavo Zanatta.